Oficina Abrigada em Cerquilho

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir
Oficina Abrigada em Cerquilho
Foto: Edson Dias

Oficina Abrigada em Cerquilho


Com seriedade e muito trabalho, a atividade desenvolvida resulta em autoestima, autonomia e benefícios aos alunos

Com 28 alunos muito comprometidos e sob a supervisão das professoras Glaucia Armagni Denardi e Leila Aparecida Pereira da Rocha são feitos os mais diversos itens de decoração com tampinhas de garrafas, retalhos de tecidos, potes de sorvete, margarina, fitas, entre outros materiais na Oficina Abrigada.
“No começo, apenas quatro alunos sabiam fazer fuxico, aos poucos, os outros foram aprendendo e hoje em dia todos sabem costurar”, explica Glaucia Denardi. “Cada aluno tem sua função, uns lavam as tampinhas, alguns riscam o tecido, outros recortam, têm os que fazem o fuxico e ainda, um aluno que seleciona os fuxicos, separa por cor e desfaz os que não ficaram bons”, complementa Leila da Rocha.
Com a sala muito organizada e cada aluno concentrado em sua atividade fica evidente a seriedade deles com o projeto e a diretora Glaucia Schiavi confirma essa impressão, “eles adoram participar da oficina, encaram aqui não como uma escola, mas como o emprego deles. Eles têm muita responsabilidade, só faltam em caso de doença”.

Retorno e autonomia
Todo o dinheiro arrecadado com a venda dos enfeites é revertido em passeios e objetos que as professoras observam que os alunos estão precisando. “Já mandamos fazer jaqueta, camisetas, bolsa, compramos também cremes e itens de higiene, adquirimos materiais e máquinas de melhor qualidade para fazer o artesanato e no fim do ano, organizamos passeios para eles”, relata Leila.
De acordo com as professoras, o passeio que mais marcou foi uma ida ao shopping, “depois de comer um lanche, todos foram até a loja Marisa, que estava com uma grande promoção. Lá, cada um tinha R$ 50 para comprar a roupa que quisesse, a única regra era levar para a professora ver se servia e se o preço dava. Visto isso, eles fizeram fila e passaram sozinhos no caixa para finalizar a compra”, conta Glaucia Denardi.

Vendas e parcerias
A venda do artesanato ocorre na escola e todos estão convidados para conhecer e comprar. “Quem tiver interesse é só vir no horário das aulas (8h às 12h e 13h às 17h). Os alunos da oficina ficam aqui no período da tarde, adoram receber as pessoas e são ótimos vendedores”, comenta Glaucia. Também são aceitas encomendas, basta entrar em contato com a escola.
Empresas de Cerquilho e região que tiverem o interesse de contratar os serviços da Oficina Abrigada serão muito bem-vindas. No entanto, várias já se interessaram em contratá-los, mas, muitas delas desistiram sem dar explicações, por isso, a diretora faz um pedido, “quando as empresas nos procuram e contratam, criamos uma grande expectativa neles. Então, se a parceria termina sem qualquer aviso, deixa toda a equipe frustrada. Portanto, a gente pede compromisso e responsabilidade das empresas”.

A EMEB fica na Rua Cobrasil - ao lado da Policlínica, no centro de Cerquilho. O telefone para contato é o (15) 3284-1671.

Notícia



III Feira Municipal de Ciência premia os melhores projetos

No dia 10 de novembro, aconteceu a III Feira Municipal de Ciência em Cerquilho, que contou com a exposição dos nove projetos que venceram a fase escolar da Feira nas escolas do Ensino Fundamental II (6º ao 9º anos)...