Falarei com Reino Unido sobre navio petroleiro apreendido por Irã, diz Trump

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta sexta-feira que o seu governo falará com o Reino Unido sobre o navio petroleiro de bandeira britânica apreendido pelo Irã no Estreito de Ormuz e acrescentou ter ouvido que poderiam ser até duas as embarcações detidas na região.

Ainda sobre essa questão, o republicano disse que há "muito poucos" petroleiros americanos passando pelo Estreito de Ormuz, uma vez que os EUA estão produzindo grande parte da sua energia domesticamente. "Temos muito navios de guerra lá", atalhou.

Para ele, o mais novo incidente envolvendo Teerã mostra que "o Irã não é nada além de problemas".

Enquanto o tema era o impasse envolvendo o Irã e o Reino Unido, Trump comentou ainda que em breve haverá um novo primeiro-ministro britânico. "Isso é uma coisa boa", completou, referindo-se ao processo de sucessão a Theresa May no comando do Partido Conservador do Reino Unido e que definirá também o próximo chefe de governo.

Sem detalhes, o presidente americano apontou que o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, teve hoje uma conversa "muito boa" com a sua contraparte na China sobre comércio. Como de costume, Trump finalizou esse tema com o bordão "vamos ver o que vai acontecer".

Notícia



Coreia do Sul faz exercício militar para 'se defender' do Japão e eleva tensão

A Coreia do Sul iniciou neste domingo, 25, dois dias de exercícios militares para ensaiar a defesa de uma série de ilhas disputadas com o Japão na costa leste, elevando ainda mais as tensões entre os dois países vizinhos...