Cruzeiro libera e atacante Rafinha acerta volta ao Coritiba após seis anos

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Depois de seis anos, o atacante Rafinha está de volta ao Coritiba. Um dia depois de acertar de forma amigável a rescisão de contrato com o Cruzeiro, com quem tinha compromisso até o final desta temporada, o jogador foi anunciado de forma oficial pelo clube paranaense. Em nota divulgada em suas redes sociais, o time do Paraná informou que o atleta chegará nesta sexta a Curitiba para passar por exames médicos e assinar contrato.

O Coritiba não revelou qual o tempo de contrato, mas a previsão é de que Rafinha assine até o final de 2021. A vontade do jogador e um plano de marketing para utilizar a sua imagem ajudaram muito na concretização do negócio.

Com 35 anos, Rafinha volta ao Coritiba depois de seis temporadas. Em Curitiba, o atacante foi um nome importante da campanha de retorno à Série A do Campeonato Brasileiro em 2010, além de ter participado da campanha da Copa do Brasil do ano seguinte, quando o Coritiba foi vice-campeão - perdeu a final para o Vasco.

Nesse período, o jogador fez 176 jogos, quando conseguiu 107 vitórias, 34 empates e 35 derrotas. Rafinha estava presente, inclusive, no período em que o Coritiba entrou para o livro dos recordes com a sequência de 24 vitórias. Marcou 41 gols e espera repetir o feito agora na disputa da Série B do Brasileiro.

Rafinha estava no Cruzeiro desde 2016 e foi bicampeão da Copa do Brasil, em 2017 e 2018, e bicampeão do Campeonato Mineiro em 2018 e 2019. Ele atualmente não era titular, mas sempre foi considerado um jogador importante no esquema do técnico Mano Menezes.

Notícia



Everton Ribeiro aposta em sequência em casa para Fla embalar e encerrar críticas

Depois de jogar duas vezes longe do Rio de Janeiro - Corinthians, em São Paulo, pela Copa do Brasil, e Atlético-MG, em Belo Horizonte, pelo Campeonato Brasileiro -, o Flamengo terá a partir deste domingo uma sequência de três partidas em casa para embalar de vez na temporada e acabar com as críticas que sofreu após a derrota em Minas gerais no sábado passado...