Gabriel diz não temer pressão no Flamengo: 'Quero fazer gols e ser campeão'

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Um dos reforços de impacto acertados pelo Flamengo para a temporada 2019, Gabriel foi apresentado nesta sexta-feira no Ninho do Urubu e afirmou estar ansioso para construir uma história de sucesso pelo seu novo clube, com gols e a conquista de títulos. Além disso, declarou que o acerto representa a realização de um sonho.

"Quero agradecer a todos por estar em um grande clube. A todos que ajudaram o sonho a virar realidade. Estou muito feliz e agradecido. Espero retribuir com uma grande entrega. Quero fazer gols e ser campeão", afirmou o atacante, que se junta a Rodrigo Caio e Arrascaeta como reforços do Flamengo para a temporada 2019.

Na noite de quinta-feira, inclusive, Gabriel já esteve ao lado do meia uruguaio, acompanhando a estreia do Flamengo na Florida Cup, contra o Ajax, adversário que o time derrotou na disputa de pênaltis, após empate por 2 a 2. E o atacante, que está no Rio desde quarta, se declarou impressionado com o carinho que tem recebido da torcida.

"O Flamengo realmente é enorme. Nem joguei ainda e já senti. Fomos assistir ao jogo ontem (quinta-feira) e tinha um menino chorando quando nos viu. Espero poder retribuir todo carinho. Que seja um ano feliz para mim e para o clube", comentou.

Após defender o Santos em 2018 e se destacar ao ser o artilheiro da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro, Gabriel agora foi emprestado pela Inter de Milão ao Flamengo por um ano, período em que o time carioca bancará os seus salários. E chega sob a expectativa de liderar o setor ofensivo do clube, embora garanta não se sentir pressionado a brilhar pelo time.

"A pressão não é só sobre mim, é sobre o elenco. Quem tem que fazer gol é o time inteiro, não só o Gabriel. Esse peso tem que ser levado para o lado bom. Quando estamos soltos, as coisas acontecem mais fácil", declarou.

Embora em vídeo de divulgação tenha utilizado a camisa 12, Gabriel vestirá a 9 no Flamengo, que estava vago quando o clube divulgou a numeração para a temporada 2019. Sem ele, o clube encerra a sua participação na Florida Cup no sábado, quando vai duelar com o Eintracht Frankfurt. E a sua estreia poderá ser no início da participação do time no Campeonato Carioca, em 20 de janeiro, contra o Bangu, no Maracanã.

Satisfeito com o acerto, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, apontou que o desejo de Gabriel foi fundamental para que a transação se concretizasse. "Muito feliz de apresentar mais um jogador de seleção brasileira, campeão olímpico. Queria agradecer ao Gabriel, porque se não fosse a vontade dele não seria possível a contratação. Agora é com ele", disse o dirigente.

Notícia



Presidente do TJD rebate reclamação do Palmeiras com VAR: 'Vamos parar de chorar'

O presidente do Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP), Antônio Olim, rebateu nesta segunda-feira as reclamações do Palmeiras sobre o uso de árbitro de vídeo (VAR) no empate de sábado por 1 a 1 com o Novorizontino, em Novo Horizonte, pelas quartas de final do Campeonato Paulista...