Rock in Rio 2019 vai ter espaço para relembrar edição inaugural de 1985

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O festival Rock in Rio anunciou nesta sexta-feira, 11, dia em que comemora os 34 anos da sua primeira edição, realizada em 1985, um novo espaço que estará aberto ao público na edição de 2019, programada para setembro.

A área Rota 85, criada em referência à famosa rodovia Rota 66, nos EUA, vai relembrar o primeiro ano de Rock in Rio, quando o festival trouxe ao Brasil, entre 11 e 20 de janeiro de 1985, bandas como Queen, Iron Maiden e AC/DC.

A cenografia do espaço será inspirada pela Rota 66 e vai contar com decoração vintage, de acordo com a organização, com uma borracharia, um bar com memorabilia ds 34 anos de evento, um posto de gasolina e mais atrações. A capela, que já há algumas edições realiza casamentos durante o festival, ficará neste novo espaço, em alusão à cidade de Las Vegas, nos EUA, que pode ser acessada pela Rota 66.

A edição 2019 do Rock in Rio será realizada nos dias 27, 28 e 29 de setembro e ainda em 3, 4, 5 e 6 de outubro. Segundo a organização, a Cidade do Rock vai funcionar por mais de 12 horas diariamente, abrindo sempre às 14h.

Até o momento, foram anunciadas as atrações apenas dos três dias finais do festival no palco principal do evento, o Mundo. No dia 4, se apresentam Iron Maiden, Scorpions, Megadeth e Sepultura. Dia 5, se revezam P!nk, Black Eyed Peas e Anitta. Já no dia 6, encerrando o festival, estão Muse, Imagine Dragons, Nickelback e Os Paralamas do Sucesso.

Já no palco secundário, o Sunset, já foram confirmados os nomes de Seal, Jessie J, Slayer e Charlie Puth. O evento, em 2019, terá ainda outra área com atrações musicais, o Espaço Favela, com artistas descobertos nas comunidades do Rio de Janeiro, como a banda Canto Cego, Tuany Zanini, o pianista Jonathan Ferr e a dupla de funkeiros Cidinho e Doca.

Notícia