Marcos Pontes: ensino superior permanecerá com Ministério da Educação

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Indicado para chefiar o Ministério da Ciência e Tecnologia, o engenheiro Marcos Pontes afirmou, nesta quinta-feira, 6, que o ensino superior permanecerá no Ministério da Educação. O presidente eleito, Jair Bolsonaro, cogitou transferir a responsabilidade para a pasta que será comandada por Pontes.

"O Ensino Superior permanece com o ministério da Educação e essa relação com a ciência e tecnologia é primordial", declarou Pontes durante coletiva de imprensa no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília.

Segundo o futuro ministro, a "colaboração com a educação é importante e tem andado muito bem". Ele listou quatro pilares para a cooperação entre os ministérios que seriam o ensino de ciência e tecnologia no ensino fundamental; a importância da pesquisa básica; incentivo à inovação; e cooperações internacionais.

Ao longo do dia, Pontes organiza um encontro com representantes da comunidade científica no CCBB. Bolsonaro fez uma rápida aparição na reunião, pela manhã.

Notícia



Denarium defende intervenção na Fazenda e sistema prisional por mais 60 dias

O governador eleito de Roraima e interventor federal do Estado, Antonio Denarium, teve uma reunião nesta terça-feira, 11, com o futuro ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), sede da transição...