Ministério da Cultura e Ancine vão investir mais de R$ 45 mi em mercado de games

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O Ministério da Cultura e a Agência Nacional do Cinema (Ancine) anunciaram nesta quarta-feira, 5, que serão investidos mais de R$ 35 milhões para a produção e comercialização de jogos eletrônicos, além de mais R$ 10 milhões de investimento em aceleradoras. Trata-se de uma nova política nacional de games, que pela primeira vez contemplará projetos de realidade aumentada e realidade virtual.

O anúncio foi feito no evento Comic Con Experience. Na ocasião, o ministro da cultura Sérgio Sá Leitão reforçou a importância de investir no mercado de games, que, na sua visão é promissor e responsável inclusive por gerar empregos para jovens. "O Brasil é atualmente o 13º maior produtor de games do mundo, ao mesmo tempo que tem a terceira maior população de jogadores do planeta, com 66 milhões de pessoas", disse Leitão.

Empreendedores

Aceleradoras também são foco da nova política, pelos seus trabalhos de capacitação de empreendedores. "Não é à toa que R$ 10 milhões serão destinados a aceleradoras que vão capacitar empreendedores nas áreas de games, realidade virtual e aumentada, além de tecnologias ligadas ao audiovisual e à inovação", disse o diretor-presidente da Agência Nacional do Cinema (Ancine), Christian de Castro.

Notícia



Facebook tira do ar vídeo com fotos de ianomâmis feitas por Claudia Andujar

Para divulgar a abertura da exposição Claudia Andujar - A luta Yanomami, no dia 15, o Instituto Moreira Salles publicou em seu perfil do Facebook um vídeo de cerca de quatro minutos com depoimentos da fotógrafa e com fotos feitas por ela na década de 1970 dos ianomâmis...