Banco do Povo de Cerquilho estimula liberação de crédito

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir
Banco do Povo de Cerquilho estimula liberação de crédito
Foto: Prefeitura de Cerquilho

Banco do Povo de Cerquilho estimula liberação de crédito


O Banco do Povo Paulista, órgão ligado a Prefeitura de Cerquilho por intermédio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento, está tornando mais ágil o processo para liberação de crédito.
Quem precisa de recursos para abrir ou ampliar o negócio pode procurar a unidade de Cerquilho, que fica na antiga Estação Ferroviária, localizada na rua Dr. Soares Hungria - Centro.

Em novembro, três empresários conseguiram ter acesso ao financiamento com juros mensais de apenas 0,35%. O programa de microcrédito produtivo é desenvolvido pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho, em parceria com as prefeituras municipais.

O objetivo de promover o desenvolvimento socioeconômico e a criação de oportunidades. Esse serviço oferece financiamentos para investimento fixo e capital de giro para empreendedores informais, microempreendedores individuais, microempresas, produtores rurais, associações e cooperativas produtivas.

De acordo com o agente do Banco do Povo de Cerquilho, além dos valores liberados em novembro, que totalizam R$ 22,5 mil, a meta é disponibilizar mais R$ 75 mil para outras sete empresas que solicitaram o crédito.

Como funciona
O Banco do Povo Paulista atua no segmento de microcrédito. Dessa forma, oferece linhas de crédito de R$ 200,00 a R$ 5.000,00 para pessoas físicas, de R$ 200,00 a R$ 20.000 para pessoas jurídicas e de R$ 200,00 a R$ 25.000,00 para associações e cooperativas produtivas ou de trabalho.

Objetivos
– Desenvolver atividade produtiva nos municípios contemplados pelo BPP;
– Se pessoa física, residir ou possuir um empreendimento há mais de dois anos em município contemplado pelo BPP;
– Ter faturamento bruto de até R$ 360 mil nos últimos 12 meses;
– Não possuir restrições cadastrais no SERASA e/ou CADIN Estadual;
– Quando motofretista: ter concluído o curso de 30 horas, comprovando por meio de certificado (exceto capital); possuir licença para condução de motofrete; ter registro em carteira com a CBO 5191-10 (Motociclista no transporte de documentos e pequenos volumes);
– Quando mototaxista: ter concluído o curso de 30 horas, comprovando por meio de certificado (exceto capital); possuir licença para condução de mototaxi, expedida pelas prefeituras municipais.

Confira a documentação necessária:
• Pessoa física:
-RG e do cônjuge;
-CPF e do cônjuge;
-Certidão de casamento;
-Comprovante de endereço;
-Orçamento do bem a ser financiado com CNPJ;
-Conta corrente;
-Comprovante de renda;
-Cópia do cartão da conta corrente.

• Pessoa jurídica:
-Contrato social;
-Cartão do CNPJ;
-Inscrição estadual;
-Inscrição municipal;
-Certidão negativa de débito (CND);
-Certidão de regularidade FGTS (CRF);
-RG dos sócios e dos cônjuges;
-CPF dos sócios e dos cônjuges;
-Certidão de casamento;
-Comprovante de endereço;
-Orçamento do bem a ser financiado com CNPJ;
-Conta corrente identificando se é pessoa física ou jurídica;
-Comprovante de renda;
-Cópia do cartão da conta corrente.

• Avalista:
-RG e do cônjuge;
-CPF e do cônjuge;
-Certidão de casamento;
-Comprovante de endereço;
-Comprovação de renda.

Mais informações e detalhes sobre a documentação podem ser obtidos com a agente de crédito Vagner diretamente no Banco do Povo; pelo telefone (15) 3284-4506.

Fonte/Foto: Prefeitura de Cerquilho

Notícia



Ronaldinho pede melhorias no Parque Ecológico

O 1º Secretário da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Tietê, Wilson Ildeu Santos Souza (PROS), mais conhecido como Ronaldinho Locutor, apresentou requerimento na sessão ordinária do último dia 11 em que trouxe várias fotos denunciando o péssimo estado em que se encontra o Parque Ecológico Cornélio Pires...