BNDES aprova R$ 70,88 mi para transmissão de energia em Guarulhos

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 70,88 milhões à empresa Subestação Água Azul SPE para construção, operação e manutenção das instalações de transmissão de energia elétrica localizadas em Guarulhos (SP).

Segundo o banco de fomento, a operação foi estruturada na modalidade project finance e tem como principal objetivo o reforço e a ampliação do sistema elétrico na região de Mairiporã, Santo Ângelo e Bragança Paulista, visando atender a ampliação do Aeroporto Internacional de Guarulhos. A participação do BNDES corresponde a 48,98% de um total de investimentos de R$ 144,69 milhões.

As obras a serem executadas se inserem no escopo do contrato de concessão de transmissão de energia elétrica 019/2016, firmado entre a Subestação Água Azul e a União, por intermédio da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), em 27 de junho de 2016.

Conforme o BNDES, o capital social da Subestação Água Azul SPE é 100% detido pela Zopone, empresa de engenharia com 20 anos de experiência no mercado e atuação no ramo de engenharia civil e elétrica, em projetos de construção de infraestrutura para telecomunicações, centrais de telefonia e data centers, edificações residenciais e comerciais, empreendimentos industriais (galpões, refinarias), pavimentação, energia (termoelétricas e subestações) e saneamento.

Notícia



Militar aposentado segue com salário que recebia na ativa

Enquanto há discordância em relação à idade mínima para a aposentadoria de militares, o fim do benefício integral é um dos pontos de convergência entre parte dos economistas do País especializados em Previdência...