Furacão Florence toca terra, é rebaixado à categoria 1 mas ainda ameaça

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


O furacão Florence foi rebaixado à categoria 1 e tocou terra nos Estados Unidos, perto da praia de Wrightsville, na Carolina do Norte. Mesmo mais fraco do que anteriormente, o fenômeno ainda pode causar estragos, ao passar pela Carolina do Sul, pela Carolina do Norte e pela Virgínia.

O Centro Nacional de Furacões dos EUA informou que Florence tem ventos máximos sustentados de 150 quilômetros por hora, com rajadas de 180 quilômetros por hora. O olho do furacão está próximo de Wrightsville, na Carolina do Norte. Às 7h (hora local), o olho estava 10 quilômetros a leste de Wilmington, na costa da Carolina do Norte.

Autoridades informam que há risco de vida para pessoas na trajetória do furacão. Mais de 60 pessoas tiveram de ser retiradas de um motel que estava prestes a desabar por causa da força das chuvas.

Mais de 80 mil pessoas na Carolina do Norte já estavam sem energia, enquanto mais de 12 mil haviam seguido para abrigos. Outras 400 estavam em abrigos na Virgínia, onde as previsões para o impacto das chuvas são menos graves.

Autoridades dizem que cerca de 1,7 milhão de pessoas nas Carolinas do Sul e do Norte e na Virgínia receberam ordem para deixar suas casas, mas não se sabe quantas cumpriram a determinação. Fonte: Associated Press.

Notícia



Na ONU, países retomarão pressão por reforma do Conselho de Segurança

Antiga prioridade da política externa brasileira - colocada em segundo plano nos últimos anos -, a reforma do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) deverá voltar à pauta durante a 73ª Assembleia-Geral do organismo, que será realizada na próxima semana em Nova York...