Greve surpresa paralisa transporte coletivo de Sorocaba e outras 41 cidades

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Uma greve de motoristas paralisou o transporte coletivo em Sorocaba e outras 41 cidades do interior de São Paulo na madrugada desta sexta-feira, 10. Mais de 300 mil usuários dos transportes municipal e intermunicipal foram apanhados de surpresa pela paralisação, iniciadas por volta de 1 hora da manhã. De acordo com o Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região, a paralisação foi decidida por centrais sindicais em protesto, principalmente, contra o alto preço dos combustíveis e o crescimento no desemprego.

Em Sorocaba, até as 7h30, nenhum ônibus do transporte coletivo municipal tinha saído das garagens.

Os terminais de embarque estavam vazios e milhares de pessoas seguiam para o trabalho a pé. Na rodoviária, os passageiros que desembarcavam de ônibus de longo percurso não encontravam condução para seguir viagem.

O sindicato informou ter notificado as prefeituras. A empresa municipal de transporte de Sorocaba entrou com pedido na Justiça para que fossem mantidos 70% da frota em circulação em horários de pico, mas a liminar não foi dada.

Conforme o sindicato, o transporte se normalizaria a partir das 9 horas.

Notícia



Policiais paulistas envolvidos em tiroteio não poderiam fazer segurança

Os nove integrantes da Polícia Civil de São Paulo envolvidos na operação de troca de dólares por dinheiro falso que resultou na morte de um policial civil mineiro, em Juiz de Fora, cometeram também falta funcional grave, além dos crimes pelos quais quatro deles - dois delegados e dois investigadores - estão presos...