Aeroportos em Fortaleza e Belo Horizonte voltam a ficar abastecidos

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Os aeroportos de Fortaleza e Juazeiro do Norte, no Ceará, e de Confins, em Belo Horizonte, voltaram a ficar abastecidos com querosene de aviação.

Na capital cearense, no sábado, 26, chegou a ficar na reserva técnica de querosene, agora está com 100% de sua capacidade de abastecimento, segundo o Sindipostos, tendo combustível para até sexta-feira (1º de junho).

Os mais de 250 postos de combustíveis de Fortaleza, que no domingo, 27 ficaram 80% desabastecidos, amanheceram nesta terça-feira, 29, 100% abastecidos, ainda segundo a entidade. Para tanto, a Polícia Militar (PM) escoltou 250 viagens de carros tanques da base da Petrobras em Fortaleza para abastecer aeroportos e postos.

Na Central de Abastecimento do Ceará (Ceasa), o desabastecimento é acentuado. Não há produtos como laranja, limão, goiaba, uva, abacaxi, batata inglesa e cenoura.

Os únicos produtos que a Ceasa recebeu nesta terça-feira são os produzidos perto de Fortaleza: banana e coco. Com isso, nos supermercados o que ainda resta de batata inglesa chegou nesta terça-feira ao preço de R$ 12,00 o quilo; e o limão chegou ao valor de R$ 1,00 a unidade.

Os bloqueios de BRs que chegaram a 19 no auge da greve, na sexta-feira, 25, nesta terça-feira se limitaram a quatro. O maior é no quilômetro 19 da BR-116 onde a imprensa chegou a hostilizada nesta manhã.

O gabinete da crise de combustível montado pela Secretaria de Segurança Pública do Ceará monitora a situação no Estado e acredita no fim da greve até quinta-feira.

Já em Minas Gerais, a BH Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de BH, informou que, com a chegada de caminhões-tanque nas últimas horas, foi possível atingir "um nível de estoque suficiente de querosene de aviação para o reabastecimento das aeronaves".

Pelo menos quatro caminhões-tanque trafegaram nesta terça pela MG-010, que dá acesso ao aeroporto. Segundo a empresa, "todos os voos internacionais estão operando normalmente, sem necessidade de escala técnica para reabastecimento".

O plano de contingência, porém, conforme a empresa, "continua ativado em parceria com as companhias aéreas para reduzir impactos às operações e aos passageiros"."Os 15 cancelamentos de voos previstos para esta terça-feira (29) foram programados pelas companhias aéreas e todos os passageiros foram contactados e reacomodados em outros voos com antecedência", afirma a operadora. Segue, apesar da melhoria no quadro, orientação para que passageiros entrem em contato com as companhias aéreas antes do deslocamento até o aeroporto.

Notícia



Raiva humana já deixou pelo menos 12 mortos no PA; animais põem SP está em alerta

Pelo menos 12 pessoas morreram vítimas de raiva humana desde o início do ano na paupérrima comunidade de Melgaço, no arquipélago de Marajó, no Pará, município com o menor IDH do Brasil...