Grávida é baleada e morre no Rio; após cesária bebê permanece em estado grave

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir


Uma gestante foi baleada e morreu em Padre Miguel, na zona oeste do Rio, na manhã desta segunda-feira, 12. Dandara Damasceno, de 21 anos, foi atingida por um tiro na face e encaminhada para o Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, mas não resistiu. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, Dandara já chegou morta.

Uma cesariana de emergência foi realizada para a retirada do bebê, que estava com 25 semanas de gestação. O recém-nascido está em estado grave, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal do hospital.

A Polícia Militar afirmou, em nota, que o 14º Batalhão de Polícia Militar foi informado que uma mulher foi ferida por disparo de arma de fogo e deu entrada no hospital. Segundo o comando do batalhão, não era realizada operação do batalhão no momento em que a grávida foi atingia. Também não houve registro de ocorrência na região.

Apesar da intervenção federal, o Rio de Janeiro viveu mais um fim de semana de violência. Após um sábado com registros de assassinatos e assaltos, o domingo, 11, amanheceu com intenso tiroteio na comunidade da Rocinha, na zona sul da capital.

Notícia



PF acha 1,2 tonelada de cocaína em rolos compressores no Porto de Santos

Uma operação conjunta da Polícia e da Receita Federal apreendeu quase 1,2 tonelada de cocaína escondida em rolos compressores que seriam embarcados para a África, no Porto de Santos, no litoral paulista...