China: piora na relação bilateral é culpa dos EUA; Taiwan é parte inalienável do país

Notícia
Espaço entre linhas+- ATamanho da letra+- Imprimir




Porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Wang Wenbin afirmou nesta terça-feira, 11, que "a responsabilidade pelas atuais dificuldades na relação" com os Estados Unidos não são responsabilidade de Pequim, mas apenas dos americanos. Segundo ele, os EUA precisam "parar de interferir em questões internas da China e de prejudicar os interesses da China", além de parar de "minar a fundação política para nossas relações bilaterais".

As declarações foram dadas durante entrevista coletiva nesta terça-feira. Wang também reiterou que "a questão de Taiwan é um assunto interno inteiramente da China" e reafirmou que Pequim não pretende dar qualquer margem para a independência da ilha, estando disposta a "adotar medidas resolutas para salvaguardar sua soberania e integridade territorial".

Em outro momento da coletiva, o porta-voz falou sobre a cooperação com a Rússia. Segundo ele, essa "cooperação relevante" entre os dois países não têm nenhum terceiro país como alvo e "está em total acordo com a lei e a prática internacionais".

Notícia